segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Minha geração tem medo. Medo de falar, medo de ser notado, medo de responsabilidades, medo de si mesmos, medo de seus semelhantes, medo de seus diferentes, medo de ser, medo de tudo e qualquer porra. Acho que estão tão acostumados com a internet que não sabem viver a vida real. Se acostumaram demais com a proteção da tela, da distância, do anonimado, de ser mais que só um número nas redes sociais. Essa gente tem até medo de aprender! Por quê? Ora porra, por quê… porque tem medo de perceber que a vida real não é como na internet, nos filmes, nos seriados e nos livros. Medo de aprender que as coisas não acontecem de um jeito que possam controlar. De entender que, na vida, não há amores perfeitos e sem ferimentos, amizades fáceis, dinheiro sobrando sem mover um dedo, festas intermináveis. Mas, apesar da minha geração ser tão perdida, morta e imprestável, há exceções, sempre há. Por isso vale a pena continuar.



( - Mariana “May” Cury. )
beijos, gabi

Um comentário:

Luana Cezanoski disse...

Oi meninas *-*
No meu blog tem uns selos pra você que são super talentosas http://luusmile.blogspot.com/2011/01/1-selo.html

Poderá também gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...